in ,

Neymar e Cavani tiveram briga feia no vestiário, afirma jornal

Twitter/ Reprodução

Thiago Silva teria impedido a troca de socos entre os jogadores do Paris Saint-Germain

A vitória por 2 a 0 do Paris Saint-Germain sobre o Lyon, no ultimo domingo (17/09), foi ofuscada pelos desentendimentos entre o brasileiro Neymar e o uruguaio Cavani, nas cobranças de uma falta e um pênalti. E o clima parece ter ficado ainda mais tenso no vestiário, após o jogo, quando Thiago Silva teria até precisado separar os dois, impedido troca de socos.

A informação foi publicada pelo jornal francês L’Equipe, que revela que Cavani procurou Neymar para dizer que não gostou da atitude do brasileiro, que não se sentiu intimidado e, em tom de discussão, tentou partir para o confronto físico, o que obrigou o zagueiro, capitão da equipe, a separá-los.

Segundo o “Le Parisien”, Antero Henrique, diretor do PSG, tentará solucionar questão a pedido do presidente do clube, Nasser Al-Khelaifi,  e promoverá encontro na próxima quarta. A solução pode ser alternar os cobradores de penalidades.

 

Polêmica: Justiça permite tratar homossexualidade como doença – Entenda!

Cartoon Network anuncia a quarta Menina Superpoderosa