Jovem confessa execução e ri ao contar como matou amigo: ‘ele tava de joelho e só caiu’

0
6741
Jovem narra como matou o amigo e ri durante confissão em Cruzeiro do Sul Foto: Reprodução/ Policial Civil

Wesley Marinho de Oliveira, de 18 anos, foi morto com tiro de escopeta na cabeça

O jovem Henrique de Jesus, de 18 anos, confessou ter executado o amigo, após ter armado uma emboscada na tarde desta quarta-feira (08/10). Wesley Marinho de Oliveira, também de 18 anos, foi morto com um tiro de escopeta na cabeça e a motivação, segundo o autor, foi porque a vítima o teria ameaçado. O corpo foi encontrado por moradores em um campo de futebol no bairro Cruzeirinho Novo, em Cruzeiro do Sul.

Após ser preso, Henrique foi levado para o local do crime pela polícia e narrou detalhes de como executou Oliveira. Ele disse à vítima que carregariam madeiras e que o homicídio foi todo premeditado. A arma ficou dentro de uma bolsa, próximo ao local de onde cometeu o crime.

“Eu disse: ‘fica aí que vou buscar uma larica para nós’. Aí, ele ficou sentado. A arma tinha ficado dentro da bolsa na olaria e fui pegar. Quando cheguei, tirei a arma da bolsa e disse: ‘É, né? Tu vai me pegar”, relata.

Em seguida, ele diz que rendeu Oliveira.

“Bora ajoelha. Ele só disse ‘ah’ e eu só pá [simula o tiro com as mãos]. Ele tava de joelho e só caiu”, conta.

Durante a confissão a Polícia Civil, Henrique ainda ri e também simula como a vítima foi executada. Ele também contou que conheceu Oliveira em uma festa, há um ano. Além do tiro, ele conta que chegou a agredir a vítima com pauladas. A escopeta e o cartucho usados no crime foram apreendidos. Henrique vai ser encaminhado para o presídio Manoel Neri, em Cruzeiro do Sul, onde vai responder pelo homicídio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui