in

Chuva de meteoros começa nesta sexta – Brasileiros poderão ver o fenômeno

Foto/ Flickr

Fenômeno poderá ser visto em todo o Brasil

Entre a noite de hoje (20/10) até terça-feira (24/10), ocorrerá a chuva de meteoros Oriônidas. O volume maior de meteoros visíveis deve ser na madrugada de domingo (22/10), especialmente cerca de 45 minutos antes do amanhecer.

Segundo o astrônomo Gabriel Hickel, da Universidade Federal de Itajubá (Unifei-MG), o fenômeno pode ser avistado de todo o Brasil. Ele informa que as regiões Norte e Nordeste do país devem ter cerca de 20 a 35 meteoros por hora no pico da chuva. Já as regiões Centro-Oeste e Sudeste, entre 16 e 27. Na região Sul, o número será o menor, com taxas máximas de 12 a 23 meteoros por hora.

“Se você olhar para o céu durante toda a noite, vai conseguir ver a chuva. Tem o pico que ocorre, na medida em que o radiante dos meteoros vai subindo, mas dá para ver durante toda a noite”, diz Cássio Barbosa, astrônomo e autor do blog Observatório.

Onde ver a chuva de meteoros

Apesar de algumas indicações apontarem que o fenômeno é melhor avistado quando o olhar se volta para a Constelação Órion (por isso, o nome Oriônidas), Hickel avisa não ser preciso olhar para um lugar específico. Mas há um lugar ideal: na praia, de preferência, com baixíssima luminosidade.

“Para ver uma chuva de meteoros você só precisa dos seus olhos, uma cadeira de praia e motivação. Não há região específica do céu a olhar. O ideal é procurar um lugar escuro, longe da poluição luminosa das grandes cidades, com o horizonte livre” , comenta Gabriel Hickel.

A melhor posição é deitado, diz o astrônomo, e o ideal é olhar para o céu por pelo menos 1 hora para ver um número razoável de meteoros. A Lua, diz Hickel, estará crescente e não irá atrapalhar a observação.

As Oriônidas ocorrem quando a Terra passa por uma região com altas concentrações de detritos oriundos do cometa Halley. O cometa é visível a partir da Terra a cada 75 anos e sua última “apresentação” se deu em 1986.

 

O que são meteoros?

Os meteoros são pequenos corpos celestes que se deslocam no espaço e entram na atmosfera da Terra. Ao adentrarem na atmosfera, eles queimam parcial ou totalmente devido ao atrito e ao contato com o oxigênio. O fenômeno deixa um risco luminoso no céu, popularmente chamado de “estrela cadente”.

 

 

Adolescente abre fogo em escola particular de Goiânia: dois estudantes morreram e quatro ficaram feridos

Homem é preso após ameaçar incendiar outra creche em Janaúba