in ,

Escritor procura professora que mudou sua vida há 40 anos atrás

Chris Young/ Reprodução

Escritor inglês era considerado o pior aluno da classe

Um escritor está tentando rastrear o paradeiro de sua professora de inglês. Ela o ajudou a se recuperar da morte da mãe e de problemas com o pai que, alcoólatra, não sabia lidar com a situação.

Chris Young apelou ao Twitter para tentar encontrar Lynn Ward, que deu aulas para ele na Lodge Park School, na cidade de Corby, na Inglaterra, em 1978.

“Eu fiquei entre os piores alunos em inglês na escola. Minha professora de inglês, senhora Ward, me tirou daquele fosso”, escreveu na rede social. A mensagem foi compartilhada e retuitada mais de 30 mil vezes.

Volta por cima

Young tinha 12 anos quando sua mãe morreu e 13 quando foi aluno de Ward e ela “me tratou como uma estrela do rock, amou o que escrevi e me fez falar na frente da classe”, contou. “Eu fui de um dos piores a quarto melhor no fim do ano, então foi uma evolução enorme”, disse ele.

Ex-assistente social em Edimburgo, na Escócia, o escritor agora é ativista de saúde mental em Ilmington, na Inglaterra. Ele publicou recentemente seu primeiro livro e gostaria que a professora participasse do lançamento em Edimburgo, no dia 1º de fevereiro.

Família Lima inaugura a casa do Big Brother Brasil

Claudia Leitte se irrita com comportamento de fã e dá bronca durante show – Assista ao vídeo!