Em O Outro Lado do Paraíso, Gael recorda que Sophia o espancava

0
316
Rede Globo/ Reprodução

Em regressão, ele descobre ter se tornado um homem violento devido às agressões sofridas na infância

Gael (Sergio Guizé) descobrirá a origem de sua agressividade na novela “O Outro Lado do Paraíso“. Auxiliado por Mercedes (Fernanda Montenegro), ele recorda sua infância e de Sophia (Marieta Severo) o agredindo, usando pedaços de madeira. As cenas estão previstas para irem ao ar a partir do dia 10 de março.

Gael procura Mercedes, após briga com Rafael

Tudo começa quando Gael agride Rafael (Igor Angelkorte) ao desconfiar que ele estava flertando com sua namorada, Aura (Tainá Müller). Preocupado, ele vai até a avó de Cleo (Giovana Cordeiro) e, mesmo com a resistência de Josafá (Lima Duarte), que tenta impedi-lo de entrar, ele desabafa sobre seus problemas:

“Tenho dois dentro de mim. Um é esse aqui, o Gael, educado, até gentil. O outro é o outro. Ele aparece, eu fico violento. Imaginei que pode ser uma coisa do outro mundo que entrou dentro de mim”, fala. A mística declara: “Sim e não. Esses dois que tão aí são duas partes de você mesmo”.

Na sequência, são mostradas cenas de Aline (Chandelly Braz), a primeira esposa de Gael que era agredida e concordou em não denunciá-lo ao receber uma fortuna e as agressões cometidas contra Clara. A vidente o alerta: “Cê tá pronto pra enfrentar teus próprios demônios. Mas não, não são demônios de fora. São os que vivem aí dentro. Cê é um rapaz gentil. Mas também tem um monstro morando dentro de você”, afirma.

“É pra você aprender”, gritava Sophia

Com Gael amarrado em uma cadeira, exigência do avô de Clara para que ele não volte a atacar Mercedes, a rezadeira começa a ter contato com as vozes. “Eles tão me dizendo pra ouvir, e eu ouço gritos, gritos de um menino”, fala, antes de ser exibida imagens de Gael ainda criança junto de Sophia, lhe dando uma surra de cinto.

“É pra você aprender”, esbraveja a vilã. Em seguida, a mau-caráter aparece surrando o filho com um pedaço de madeira: “Você me desobedeceu de novo. Tem que me obedecer, Gael”. “Não, mãe, não! Dói, mãe, dói”, implora o menino na cena.

Mercedes, então, o faz se livrar de seu lado sombrio: “E o espancado se torna o espancador. Mas agora essas forças negativas se afastam de você, voam pra longe. Cê não é mais aquele menininho que chorava. Você é um homem. Eu vou te abençoar. E que o futuro seja aquele que tem”, diz.

“De espancado, virei espancador”

Após sua regressão com Mercedes, Gael procura Sophia para contar ter relembrado os traumas que sua memória havia esquecido. “Eu te amava tanto que juntei uma coisa com a outra. Eu aprendi que quem ama, bate. Porque eu acreditava que cê me amava também”, fala ele.  Mas a assassina não demonstra qualquer arrependimento: “Você era um menino respondão, briguento. Eu tinha que te corrigir. Eu te bati, sim. Mas aprendeu a me obedecer”.

“Aprendi a ser manipulado por você. Aprendi que quando eu amo, tenho que bater. De espancado, virei espancador”, rebate ele, deixando a mãe irritada. “Vocês, filhos, são muito engraçados. Eu fiz tudo por você, por tua irmã adotiva e até por aquele monstrengo da Estela (Juliana Caldas). O que eu ganhei? Reclamações. Acusações”, diz a vilã, se referindo à Lívia (Grazi Massafera), de quem revela não ser mãe biológica, e à herdeira caçula.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui